Home Facebook Twitter LinkedIn Feed Perfil Email
Nit Portal Social

↑ Grab this Headline Animator

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

ESTÁ ABERTO O MAIOR ESPETÁCULO DA TERRA!

Que o carnaval é uma festa popular que atrai milhões de pessoas aqui no Brasil pela alegria que representa todos sabem. Mas como ele  surgiu?


Existem duas versões,  a primeira que dá a Portugal o crédito  (“entrudo português”) onde pessoas jogavam umas nas outras água, ovo e farinha e acontecia num período anterior à quaresma, dando-lhe um significado de “liberdade”. A outra tem origem na Grécia, em meados dos anos 600 a 520 A.C., onde o povo realizava seus cultos de agradecimento aos deuses pela fertilidade do solo e por sua produção. Mas este culto  foi modificado ao longo do tempo e  gregos e romanos começaram a inserir bebidas alcoólicas, práticas sexuais, canto e dança que aos olhos da Igreja era tido como pecaminosos e por isso não era aceito pelo Clero.  Por volta do ano 590 D.C. o carnaval passou a ser uma festividade adotada pela Igreja Católica, através de cultos oficiais, cujo período era marcado pelo “adeus à carne” ou do latim “carne vale” o que deu origem ao nome “carnaval”, mas que fugia de sua origem, pois já não mais se agradecia a colheita e a produção de alimentos.


Em 1545, através do Concílio de Trento, é que o carnaval voltou a ser uma festa popular. Devido à influência européia em terras brasileiras a festa chegou ao Brasil no ano de 1723, com o desfile de pessoas fantasiadas de forma semelhante  às de hoje em dia e mascaradas. Blocos carnavalescos e corsos (desfile de carros ornamentados) aconteceram somente no século XIX e percorriam junto com o povo, as ruas da cidade. 


Independentemente de quem introduziu esta festa popular no Brasil, cada vez mais ela tomou vulto através da participação popular, das marchinhas e então foi criada pelo sambista carioca Ismael Silva a primeira Escola de Samba –“Deixa Falar”, no Rio de Janeiro,  que mais tarde passou a ser chamada de “Estácio de Sá”.


Diversos ritmos são tocados devido à diversidade rítmica e cultural das regiões do Brasil, durante o carnaval. Na região nordeste, por exemplo,  impera o frevo e o maracatu (Recife e Olinda); trios elétricos, Olodum e Yleaiê (blocos negros com ritmo próprio e contagiante) e Afoxé Filhos de Gandhi (blocos de rua) todos na Baía e as famosas escolas de samba Mangueira, Portela, Beija-Flor, Viradouro (Rio de Janeiro), Gaviões da Fiel, Rosas de Ouro, Vai-Vai (São Paulo), ambas na região sudeste.





Então agora é só “esquentar os tamborins”, escolher a sua fantasia, tomar uma super dose de “alegria e animação” e curtir esta festa que tem a duração de  quatro dias e que no Rio de Janeiro se transformou no maior espetáculo do mundo, atraindo turistas de todos os continentes!


Só não esqueça de “brincar com responsabilidade” para que sua alegria possa durar o ano inteiro!



 "O povo toma pileques de ilusão com futebol e carnaval. São estas as suas duas fontes de sonho." 
Carlos Drummond de Andrade


Ana Porto/Sergio Honorato
Gestores

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui seu comentário é muito importante!

Leia também...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares