Home Facebook Twitter LinkedIn Feed Perfil Email
Nit Portal Social

↑ Grab this Headline Animator

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

BUSCA INSACIÁVEL DO PRAZER!

Momentos de ansiedade, angústia, preocupação, estresse, acabam por mexer com nosso metabolismo desencadeando para uns a diminuição do apetite e para outros o aumento dele.

Hoje vamos falar exatamente da segunda situação, aqui chamada de "BIP" - Busca Insaciável do Prazer - no nosso caso, através do alimento.

Na verdade, funciona como um tipo de compensação: Quanto mais ansiosa, com medo, estressada uma pessoa se encontra mais ela buscará em determinados alimentos prazeres para compensar o sofrimento causado por esses desequilíbrios. Quem já não "devorou" barras e mais barras de chocolates mediante um momento de tensão? Essa compensação funciona temporariamente, enquanto estiver dando prazer a quem consome, mas terá o seu fim, e então todas essas sensações voltarão e acabará se tornando um ciclo vicioso: angústia... come... nervosismo... come... estressado... come... ansioso... come... com medo... come... E aonde isso irá parar? Na verdade não para, torna-se um vício!

Erra quem pensa que somente o vício do cigarro, bebida alcoólica, droga, consumismo exagerado, jogo e sexo destroem o ser humano! O alimento, em exagero, também pode causar grandes danos à saúde do homem. A sociedade criou uma série de campanhas contra determinadas substâncias que causam dependência tais como cigarro, álcool, drogas, sexo, porém contra a ingestão em demasia de alimentos nada existe, até porque é só abrir o armário ou a geladeira, ir a um supermercado que eles estarão lá, saltando aos nossos olhos e nos pedindo para serem consumidos. Então, só nos resta muita força de vontade e bom senso!

Alguns me dirão: Mas é muito bom sentir prazer! Concordo! Mas tudo em sua dose certa! Não estamos aqui fazendo apologia contra o prazer, mas sim tentando deixar claro que ele é saudável desde que não se torne um meio de fuga para os nossos problemas, pois assim sendo nos tornaremos dependentes e toda dependência é maléfica.
É importante aprendermos a lidar com nossas ansiedades e medos, saber a melhor forma de administrá-los, termos controle sobre essas situações de nosso dia a dia, mas se de todo não for possível, que busquemos a ajuda de profissionais para que possamos receber o devido tratamento.

Mas como funciona esse mecanismo cerebral de sensação de prazer? 
Ao estarmos fazendo aquilo que desencadeará a sensação que buscamos, haverá uma evocação de sinais neurais que convergem para um pequeno grupo de áreas cerebrais interconectadas conhecidas como circuito do sistema de recompensa cerebral também chamado de circuito do prazer. É exatamente nesses grupos de neurônios que os prazeres humanos são emitidos em forma de sensação.

Como pudemos constatar, ter prazer é muito bom, mas ser dependente dele torna-se um vício e como todo vício acaba nos levando a necessidade de consumo cada vez maior, a um desejo de consumo fora de controle e as síndromes de abstinência.

Portanto, amigos, o melhor caminho é a MODERAÇÃO, em determinadas situações e a NÃO EXPERIMENTAÇÃO para outras situações, as que envolvem substâncias químicas.

Então, se você sofre de "BIP" reflita a respeito e tente mudar os rumos de suas necessidades, mas sempre lembrando que a ajuda de um profissional é importante para todos aqueles que por si só, não obtém sucesso!

Falamos aqui de vícios que dão prazer, mas muitos deles trazem consequências de risco de contaminação e doença para as nossas vidas. É o caso do sexo sem prevenção e do uso de drogas compartilhadas que podem acabar levando a contaminação pelo vírus HIV. 
SOLIDÃO: AUSENCIA DO OUTRO E ENCONTRO COMIGO! 


Conhecemos a dificuldade que as pessoas menos favorecidas financeiramente encontram para se tratarem, da deficiência da saúde pública para oferecer tratamento de apoio aos doentes e seus familiares para essa parcela da população e é exatamente nesse momento que entra o trabalho tão importante de instituições como o da SABER VIVER http://saberviver.org.br/publicacoes/saude-mental-em-desequilibrio-procure-ajuda/ onde qualquer pessoa que se veja diante de uma situação nova e que precise de um tempo para ajustar seus sentimentos e pensamentos dentro da nova realidade, encontra lá tratamento. 

Conheça mais esse trabalho e ajude a divulgar!

"Ter vontade de comer um bom filé não significa querer comer a vaca inteira!"
Desconheço a autoria
Ana Porto/Sergio Honorato
Gestores 


https://www.facebook.com/nitportalsocial                        

2 comentários:

  1. A mais pura verdade!
    Me sinto como o texto descreve e como desesperadamente quase tudo que tiver à minha frente. Quase de 1 em 1h sinto "vontade" de comer algo.
    Sou muito ansioso.

    ResponderExcluir
  2. Então busque a ajuda profissional amigo skidwasted! Somente dessa forma você conseguirá ter controle sobre sua ansiedade e sua saúde lhe agradecerá!
    Ana Porto

    ResponderExcluir

Aqui seu comentário é muito importante!

Leia também...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares