Home Facebook Twitter LinkedIn Feed Perfil Email
Nit Portal Social

↑ Grab this Headline Animator

quarta-feira, 15 de julho de 2015

ASSERTIVIDADE!

O autor Terry Gillen, em seu livro Assertividade, apresenta uma equação bastante simples para exemplificar a importância de sermos assertivos perante uma adversidade:


Terry explica que a situação a ser enfrentada, somada ao nosso comportamento, determinará o resultado.

Com isso, se conseguirmos ser assertivos perante os conflitos que precisamos enfrentar diariamente, provavelmente resolveremos da melhor forma grande parte deles.


 CURSOS ONLINE GRATUITOS EM TECNOLOGIA DIGITAL!



Mas como desenvolver a assertividade?

Veja 5 dicas essenciais para que você comece a treinar este importante comportamento:

1) Desenvolva a autoconfiança. Você precisa confiar mais em sua capacidade de resolver um problema específico sem perder a razão, sem ser agressivo ou ficar arrependido posteriormente por ações intempestivas. Assertividade é diferente de agressividade. Analise o seu comportamento a cada situação de conflito e procure aprimorar a autoconfiança em cada uma delas. Com o tempo você perceberá que os resultados mais positivos vêm de atitudes mais assertivas - quando você consegue manter a calma ao resolver uma determinada questão.



DESCENDO A SERRA DO MAR EM UMA VIAGEM DESLUMBRANTE!


2) Desenvolva a escuta ativa. Para ser assertivo você precisará entender o que está acontecendo. Muitas vezes vemos uma simples “ventania” como um “tsunami”, porque não compreendemos de fato o problema. Escutar antes todas as partes envolvidas é fundamental para uma boa resolução. Após esta etapa, faça perguntas, verificando se você compreendeu o ponto de vista da outra pessoa e, então, tome a atitude que lhe parecer mais correta.

3) Desenvolva a comunicação assertiva. Não comece uma frase com “você”, pois ela sai como mais um julgamento ou ataque e coloca as pessoas na defensiva. Se você começar com "eu", o foco é mais sobre como você está se sentindo e como você é afetado pelo comportamento do outro.

"REPÚBLICA PARA IDOSOS" ALIVIANDO A SOLIDÃO DA TERCEIRA IDADE!


Por exemplo, troque “você precisa parar com isso” por “eu gostaria que você parasse com isso”.


Além disso, para deixar que outra pessoa saiba sobre os seus sentimentos, utilize a fórmula “quando você (seu comportamento)” – “eu me sinto (meus sentimentos)”. Veja o exemplo:

“Quando você grita, eu me sinto desorientada.” A comunicação assertiva faz com que você, ao invés de culpar e julgar o outro, se expresse de tal forma que a outra pessoa perceba o que você sente ou precisa.


DIETA DE 21 DIAS!



4) Aprenda a receber críticas de forma positiva. Aceitar feedbacks positivamente não quer dizer que você deva concordar com tudo o que for dito. É, na verdade, escutar o outro, analisando o que de positivo você pode extrair daquele feedback, é estar preparado para dizer “não concordo” quando você tiver dados e fatos que comprovem a sua discordância e, claro, aceitar que muitas vezes, você é quem está errado. Tenha humildade para reconhecer os seus erros.

5) Aprenda a dizer “não” quando for necessário. Conheça os seus limites e aceite que você não pode fazer tudo nem agradar a todos. Sugira uma solução "ganha-ganha" nas situações que vivenciar e faça o que parecer certo para você. Prometa apenas o que realmente possa cumprir.


REEDUCAÇÃO ALIMENTAR SEM SEGREDO!



Por Denise de Moura

Aproveitamos para apresentar o trabalho da instituição "Céu Azul", recém-criada, para discutir comportamento de pessoas autistas em Divinópolis, Minas Gerais.

A ong se reúne por mês com mais de 100 mães que participam de palestras e discussões com profissionais, sobre Autismo. Muitas crianças que já iniciaram o tratamento com terapia comportamental através da instituição já estão alcançando progressos. 

Acesse G1- Centro Oeste MG e conheça melhor este trabalho.

Ana Porto/Sérgio Honorato
Gestores

https://www.facebook.com/nitportalsocial                        


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui seu comentário é muito importante!

Leia também...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares