Home Facebook Twitter LinkedIn Feed Perfil Email
Nit Portal Social

↑ Grab this Headline Animator

quinta-feira, 5 de maio de 2016

QUANDO O PRECONCEITO ANDA LADO A LADO COM A VIOLÊNCIA!

É condenável que em pleno século XXI ­­­­­­ convivamos com uma sociedade desprovida de espírito, pois esta é alimentada continuamente por pensamentos preconceituosos. Pensamentos estes que vêm de ideias ou fatos passados, ocultos no interior da pessoa ou, por vezes,  expostos ao mundo de maneira convincente, criando raízes que perduram por décadas e séculos. 






IGUALDADE, MAS SEM PERDER A TERNURA!  



Ocasionalmente, o ser humano, apesar de emitir sentimentos,  pensa com a razão e o mesmo se proclama superior a outros animais. Logo, acaba por ser cruel e irracional pois não aceita a mudança de comportamentos e pensamentos novos, evidentes nos períodos atuais e se omite a pensar nos fatos passados de origens históricas, gerando em razão disso a violência, como forma de repúdio ao que para ele é inaceitável a essas transformações.

Um protótipo deste contexto é a crise de refugiados da Síria, movimento pelo qual pessoas estão a imigrar para países europeus, em busca de deixar para trás sofrimento, medo e miséria, devido aos conflitos existentes no Estado. Muçulmanos, negros e ciganos, procuram uma segunda oportunidade para reconstruírem suas vidas, mas há obstáculos pelo caminho. Ao pisarem em território estrangeiro sofrem com o forte sentimento de xenofobismo da população europeia e, como consequência, são obrigados a tolerar a violência tanto verbal como física de um povo selvagem e desumano, que não se solidariza ou se comove com o sofrimento alheio. 

Como a exemplo a cinegrafista húngara Lászlö foi surpreendida chutando sírios na fronteira com a Sérvia, ou em tal caso, como ocorre dos sérvios se verem obrigados a ouvir blasfêmias sobre sua religião: “ agora vão construir mesquitas? ”. Ou quando se é o único negro em uma cidade alemã chamada Erfurt: “ o africano de Erfurt”.




PERCEPÇÃO VISUAL: FAÇA SEU TESTE!

Até onde o ser humano será capaz de chegar?  O humanitarismo deveria ser praticado mais vezes.


Em face, não podemos nos eximir de nossas
responsabilidades em respeitar o próximo, pois como direito nosso, é um dever também. É irônico como deixamos nossas ações emanadas de pensamentos arcaicos acabarem por humilhar, ferir ou matar, todos os dias, pessoas que são apenas vítimas das ideias ditadas por uma sociedade egoísta e violenta.




AS DIFICULDADES DO DESAPEGO "MÃES E FILHOS"!



Devemos impor limites a esses atos, quebrar barreiras, implantar e trabalhar com o ideal de igualdade pois, acima de todo esse preconceito e violência, seja xenofóbico, homossexual, feminino, de cor, entre outros, somos iguais e detentores dos mesmos direitos e deveres.

E quando se trata de inclusão, o Viva Rio é uma organização comprometida com a pesquisa, o trabalho de campo e a formulação de políticas públicas com o objetivo de promover a cultura de paz e a inclusão social, cuja visão é ter uma sociedade que integre segurança e direitos civis, justiça e liberdade, desenvolvimento e meio ambiente, modernidade e diversidade cultural.

Ana Porto/Sergio Honorato
Gestores
.https://www.facebook.com/nitportalsocial                        

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui seu comentário é muito importante!

Leia também...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares